Os saberes tradicionais na educação

No mês passado tive a oportunidade de participar de um congresso promovido pela UFBA (Universidade Federal da Bahia) sobre ações afirmativas e verificar o empenho daquela instituição na inclusão de cidadãos indígenas entre os alunos universitários.
Neste momento recebo uma notícia de que a Universidade de Brasília está incluindo os saberes tradicionais como aulas na Universidade e convidando representantes indígenas para falarem de conhecimentos diversos relativos ás experiências de suas culturas.
Estes gestos com certeza possui um significado profundo para a cultura indígena em particular e para o Brasil,pois aos poucos as raízes ancestrais desta nação serão inclusas de acordo comn o seu merecimento e valor.

Comentários

  1. Fico feliz em ver essa iniciativa, em especial, por partir de uma Instituição que forma pessoas.
    Resgatar nossa ancestralidade é reencontrar importantes saberes que respondem a muitas de nossas perguntas.

    ResponderExcluir
  2. Fico feliz em ver esse movimento por parte de uma universidade.
    Resgatar nossa ancestralidade e seus saberes é reencontrar nossa essência, nossa verdadeira natureza tão ofuscada por esse longo afastamento...
    Abraço
    Joana

    ResponderExcluir

Postar um comentário

comente este artigo

Postagens mais visitadas