Postagens

Mostrando postagens de Março 7, 2010

Unipaz do Rio de Janeiro

20 e 21 de MARÇO - Tradição Ancestral Brasileira

"O Brasil ancestral já era uma terra de "mil povos" com inúmeras maneiras de conceber a realidade física e outros níveis da realidade através de suas filosofias e cosmovisões. Dentre elas, a imemorial cosmovisão tupy e as tradições solares e lunares.
Ao contrário do que é dito na história oficial, esses povos deixaram saberes complexos e profundos sobre o ser e sobre a natureza e edificaram sistemas comunitários de vida, medicinas, comportamentos e filosofia como, por exemplo, os três níveis da ancestralidade, a nossa árvore ancestral: a ancestralidade biológica, nossas raízes no mundo físico; a ancestralidade anímica, tecida com as forças que vêm dos quatro elementos, das quatro energias e das quatro direções da natureza; a ancestralidade divina, a nossa essência primordial.
Neste encontro serão abordados os itens:
> Panorama geral dos povos antigos do Brasil.
> A cosmovisão tupy e sua influência nas raízes ancestrais d…

Sobre o êxito

Uma vez perguntado sobre as condições para se obter êxito,o mestre apontou três itens:

1)Reconhecer-se como uma expressão da fonte divina, que inexoravelmente quer a sua mais bela e exemplar manifestação.
2) Trabalhar naquilo que o coração, a razão e o sentimento gostam.
3)Agradecer á todas as relações e cirscunstâncias que surgem na vida, pois são elas que ajudam a modelar o sucesso daquilo que foi projetado pelo ser, principalmente aquelas que causaram dificuldades ou pertubações.

Recife e Olinda

Este final de semana estive realizando uma imersão em Recife, através da Unipaz de Pernambuco.Na ocasião estava presente um representante Fulniô da aldeia de Águas Belas, o José Francisco, com sua tranquila presença.
Uma das coisas mais interessantes de perceber, ao ser acolhido pela amorosa equipe da Unipaz, foi a força da presença cultural da cidade de Olinda, com seu típico colorido e sua diversidade onde as raízes negras, indígenas e brancas geraram uma expressão onde a alegria se sobrepõe ao passado histórico de sofrimento que ficou registrado nas ruas de paralelepípedos da cidade.
Ó Linda, situação para se iniciar uma nova realidade!!!