Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro 21, 2010

Marcelo Rosenbaum inclui pesquisa do Instituto Arapoty em superadobe

Estudos para demarcação de terras indígenas encerram em 2011

Grupos técnicos de identificação e demarcação de seis terras indígenas em Mato Grosso do Sul devem encerrar os estudos nas bacias dos rios Apa, Dourados, Brilhante, Ivinhema, Iguatemi e Amambaí nos primeiros meses de 2011. No Estado, onde vivem cerca de 45 mil índios das etnias Guarani Kaiwá e Guarani Nhandéwa, um grande problema fundiário arrasta-se há anos.
Muitas das áreas vistoriadas em mais de 25 municípios pelos grupos técnicos, contratados pela Fundação Nacional do Índio (Funai) desde 2008, são ocupadas por fazendeiros e empresas que detêm o título da terra. De acordo com as lideranças indígenas, cerca de 3 mil índios vivem em 22 acampamentos de beira de estrada nas rodovias do Estado.
Para os indigenistas, os interesses econômicos sobre a terra altamente produtiva e o preconceito contra os índios fazem com que a demarcação ainda não tenha sido concluída. O processo foi diversas vezes interrompido por decisões judiciais em várias instâncias. "As ações caem na mão de juízes…

Daniel Munduruku

No final dos anos oitenta conheci Daniel Munduruku, com um senso de humor peculiar e um educador hábil, que também soube se equilibrar entre duas culturas, a de raiz ancestral e esta que é resultado de uma longa travessia de oceano, e de longas batalhas e conflitos e desencontros. tinha um sonho que logo também cultivei; que era o de fomentar entre os nossos parentes indígenas o gosto pela literatura, pela escritura; e mais, estimular aos próprios parentes que escrevessem suas próprias histórias.
Assim foi feito. Hoje ele articula mais de trinta escritores indígenas e já estimulou uma diversidade de publicações, artigos, coletâneas e outras participações em livros.
neste momento está na organização de um seminário sobre literatura e história indígena que acontecerá na biblioteca Monteiro Lobato, em são Paulo, na vila buarque.
Vale a pena conferir!