No carnaval, índios lutam por terra na Bahia

Grupos de homens armados que se dizem indígenas da nação Pataxó, na Bahia, invadiram 35 fazendas na região sul do Estado durante os feriados de carnaval. O protesto ocorreu, principalmente, no município de Itajú do Colônia, próximo a Porto Seguro. Várias estradas chegaram a ser interditadas por homens armados. A Polícia Militar ainda não controlou a situação. Além desta região onde os descendentes de indígenas reivindicam a demarcação de 57 mil hectares como reserva, o conflito de terras  com os produtores rurais da região sul da Bahia também envolve os descendentes dos Tupinambás e se estende aos municípios de Ilhéus, Buerarema e Una. Ao todo são mais de 104 mil hectares ocupados historicamente por fazendas de gado e de cacau, mas hoje reivindicados pelo movimento indigenista com o apoio da Fundação Nacional do Índio (Funai). Os dois casos estão na Justiça ainda sem solução.
Leonel Rocha
Postar um comentário

Postagens mais visitadas