Reverenciar a natureza interior de cada um

 O modelo de pensamento da sociedade atual separa o homem da natureza, por isso vê o índio como uma coisa estranha, exótica, quase irreal. Na verdade os diversos povos chamados indígenas preservam uma consciência de que não existe de fato separação entre homem e natureza. Os mesmos princípios que regem ela, também regem ele. Nos mitos dos povos ancestrais o ser humano desdobrou-se da natureza, por isso porta temperamentos, tendências psíquicas, e predisposições subjetivas diversas que de alguma maneira revelam a sutil e profunda relação entre um e outro.
Por isso na cultura de diversas etnias se reverencia florestas, montanhas, rios, planícies e planaltos. Por isso se reverencia também os animais e as plantas, pois se reconhece que a grande Vida que inspira e expira em cada coisa é a mesma vida, a mesma presença.




3 comentários

Postagens mais visitadas