Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro 16, 2012

Para um novo mundo começar

Embora de acordo com a sabedoria dos maias, dos incas e dos antigos sábios da tradição tupy, estejamos iniciando neste dia de hoje o ciclo dourado, onde a humanidade se torna mais suscetível ás ondas de sabedoria e de amor incondicional emanadas do Grande Mistério Luminoso, ainda necessitamos de nos graduarmos em algumas qualidades imprescindíveis para gerar uma nova humanidade. Vibrações como a da gratidão, generosidade, compaixão, solidariedade, prontidão  e cuidado com o lugar onde habitamos ainda nos são caras.
São qualidades que deveríamos ter ancorado em nossas  atitudes á pelo menos dois mil anos atrás, pois são pérolas da era passada que o sofrimento e o foco na dualidade deveriam lapidar em nossos corações. Estamos atrasados nestes quesitos.
Enquanto a Mãe Terra vive o esplendor pela entrada de seus vórtices em um novo ciclo, seus filhos humanos ainda vivem torpores, dissabores, tormentos e por isso a maioria ainda adormece dos benesses destas novas vibrações que o dia e a no…

Quando o mundo acaba

Na década de 70 alguns europeus e norte americanos se debruçaram na tentativa de interpretação de dois monumentos da cultura maia, descobertos em 1957, e que foram parar no museu de antropologia do México. Um destes monumentos é um totem, conhecido como Estela 6, do antigo assentamento de Tortuguero (sul do  México, estado de Tabasco) e o outro é a Estela 1, de quintana Roo. Com o tempo de investigações, foi que veio a idéia destes monumentos serem calendários, profecias, oráculos.  As idéias iniciais ganharam as mais diversas formas de interpretação, leituras, possibilidades; e entre elas a de fim do mundo ou fim dos tempos. No entanto, é bom lembrar que foram todas feitas por pessoas de culturas diferentes das culturas maias, portanto, de olharres e percepções diferentes. Alguns exemplos são: 1.) o entendimento de tempo para os pesquisadores é de que este é linear, com começo, meio e fim; já para os maias e inúmeras culturas americanas ancestrais o tempo é cíclico, evolui em espira…

Indiodescendente

O Brasil precisa resignificar sua maneira de se relacionar com os povos indígenas, tanto os que habitam ainda em aldeias, isolados ou não da sociedade envolvente, quanto os indiodescendentes. É necessário encarar a necessidade de uma justiça social ampla e profunda em relação ás raízes que fundaram esta nação. Desde os temas considerados espinhosos, como a questão das terras; até reflexões que exigem ações de fundo como direitos humanos e cidadania, identidade cultural e desenvolvimento social.
Ainda hoje vivemos na dependência de pessoas que falam por nós, tanto na câmara federal, nas instituições públicas, nas academias, e inclusive nas artes. Ao mesmo tempo existe no bojo da sociedade um movimento de pessoas que buscam se expressar como cidadãos a partir do reconhecimento das suas origens. Além disso, temos diversos líderes capazes de expressar os desejos, necessidades e idéias dos povos indígenas que demonstram inúmeras contribuições em áreas diversas das tratadas pela mídia em re…

Comissão Parlamentar visitou Kaiowá

O senador João Capiberibe (PSB/AP) registrou em plenário, nesta terça-feira, 11, o deslocamento de uma diligência ao município de Iguatemi (MS), para acompanhar de perto o conflito que coloca em choque a comunidade Guarani-Kaiowá e os fazendeiros do Sul daquele Estado. A comitiva esteve formada pelas Comissões de Direitos Humanos do Senado e da Câmara Federal, composta pelos senadores Capiberibe e Randolfe Rodrigues (PSOL/AP), e cinco deputados federais: Janete Capiberibe (PSB-AP), Danilo Forte (PMDB-CE), Erika Kokay (PT-DF), Geraldo Resende (PMDB-MS), Penna (PV-SP), Ricardo Tripoli (PSDB-SP) e Sarney Filho (PV-MA). “Lá encontramos uma situação estarrecedora: a comunidade indígena vivendo em condições absolutamente degradantes, praticamente encurralada nas margem do rio Hovy, sem ter possibilidade de acesso fácil e de contato com as comunidades do entorno” – destacou João Capiberibe. Ele ressaltou que os líderes indígenas estavam assustados, temerosos por sua integridade física. Os p…